Pensamentos de São Gaspar Bertoni

ATITUDES:

Fazer a vontade de Deus

"Devemos desacostumar-nos de fazer a nossa própria vontade e tudo realizar como que movidos pela vontade de Deus, a fim de agradar-lhe e honrá-lo."

Desapegar-se das coisas terrenas

"Nossa alma será pura quando estiver desapegada dos afetos às coisas terrenas. Tornar-se-á mais pura ainda à medida em que se aproximar das coisas celestes, isto é, quanto mais unir-se a Deus."

Ensinar sem nada atribuir a si mesmo

"Os Ministros de Deus devem ensinar não só pela ciência, mas também pela experiência, e nada atribuir a si mesmos."

Viver o tempo presente

"O passado já foi. O futuro está por vir. Só o presente existe e está em nosso poder. Viver dia a dia, de manhã ao meio dia, do meio dia à noite, realizando tudo com o maior empenho. Talvez não nos será dado outro tempo para glorificar a Deus."

Atender ao chamado de Deus

"Na escalada da perfeição, onde há verdadeira vocação divina, é preciso agarrar o convite no momento certo. "Eles, deixando imediatamente as redes, o seguiram." (Mt 4,20)"

Pedir a ajuda de Deus

"Deus não manda coisas impossíveis, mas, quando manda, aconselha que se faça o que se pode e se peça a Ele ajuda para fazer o que não se consegue com as próprias forças."

Nas dificuldades, procurar somente a Deus

"Nas dificuldades, devemos procurar somente a Deus e nada mais, nem consolações, nem condescendência'."

Seguir a Deus sem antecipar-se a Ele

"Jamais te antecipes ao Senhor; pelo contrário, deves segui-Lo, pois ele te ilumina e te sugerirá, mediante tua súplica, os meios para progredires e corresponderes a Ele."

Agir conforme o Evangelho

"Deus não nos julgará segundo as máximas do mundo, nem segundo a opinião de alguns teólogos mais benignos, mas segundo o Evangelho."

Não faltar com a confiança em Deus

"Meus filhos, tomai muito cuidado com o que fazeis quando faltais com a confiança em Deus; porque muito mais o ofendeis com a desconfiança do que com o pecado."

Não colocar obstáculos aos desígnios de Deus

"Pouquíssimos são os que compreendem o quanto Deus neles realizaria se Ele não encontrasse obstáculos aos seus desígnios."

Não revelar as faltas alheias

"Se as nossas faltas pessoais fossem reveladas nos bairros e nas cidades, como revelamos as dos outros, veríamos o quanto as nossas são bem mais graves, principalmente depois de tantas graças e tantas luzes. Se estas graças fossem dadas aos outros, eles seriam santos."

CUIDADOS:

Cuidado com os "pequenos" pecados

"Os pequenos pecados são como os "pivetes" que entram pelas janelas para abrir as portas aos ladrões profissionais."

Cuidado com os prazeres do mundo

"Ai de vós, se começais a saborear os gostos do mundo, as riquezas, as honras, os prazeres. Seria sinal de que as delícias do céu vos desagradam. Quando os hebreus começaram a saborear os frutos da terra, o maná desapareceu."

Cuidado com as veleidades

"Tudo se resume em servir a Deus, custe o que custar. É necessário, pois, precaver-se das veleidades. A veleidade diferencia-se da vontade no seu efeito; a primeira começa a ceder diante das dificuldades, e faz a gente desencorajar; a segunda insiste, firma-se e se fortalece."

Cuidado com o vício do orgulho

"Meus filhos, tomai muito cuidado com o orgulho, pois, enquanto os outros vícios se alimentam dos próprios vícios, o orgulho se nutre das principais virtudes, sobretudo as mais altas."

Cuidado com os propósitos ineficazes

"Um propósito ineficaz é semelhante a um soldado ou a um caçador estampados numa pintura: nunca ferem ou matam, embora estejam sempre ameaçando."

Cuidar para não faltarmos a Deus

"Devemos cuidar para não faltarmos nós a Nosso Senhor, que da Sua parte Ele não faltará conosco. Isto posto, se, de fato estivermos com Deus, o que poderá prejudicar ou impedir nossos trabalhos?"

RECOMENDAÇÕES:

Para fazer o exame de consciência

"Para fazer o exame de consciência é necessário escolher um Santo da mesma vocação como exemplo. Tudo o que estiver faltando para imitar a perfeição dele é defeito."

Para a nossa salvação

"Para salvar-se é preciso fazer o que se faz nas tempestades:

Descarregar a consciência;

Rezar, trabalhar, obedecer.

Para o recolhimento interior

"Quem almeja um recolhimento interior deve buscá-lo na modéstia interna, não distraindo-se com olhares, nem movimentando-se inconvenientemente."

REFLEXÕES:

Sobre a oração

"Um homem de oração nada mais faz do que acatar os acontecimentos, conforme Deus os encaminha, de acordo com a sua Providência. Não previne, nem precede; tudo nele está em ordem, tudo tranqüilo. Não é precipitado, nem apressado. Espera o tempo, as circunstâncias. Em tudo segue as pistas de Deus."

Sobre a humildade

"Todos os bons princípios das grandes coisas devem começar pela humildade, porquanto só se formos humildes Deus se servirá de nós para fazer grandes coisas para a sua glória".

Sobre a Sagrada Escritura

"A palavra de Deus na Bíblia deve ser a regra do nosso pensamento, da nossa ação, se quisermos conhecer a verdade, chegar à salvação; não as filosofias estranhas, que sempre variam e que se encontram esparsas nos perniciosos livros do nosso século".

Sobre o sofrimento

"O sofrimento é um invejável quinhão que Deus reserva aos seus queridos. Não é petisco para todos."

Sobre as tentações

"As tentações costumam voltar quando já caímos uma vez; isto porque Deus quer nos dar a oportunidade de conseguir o mérito que perdemos na primeira vez."

 

NOSSA SENHORA DE LOURDES - PROTETORA DOS ENFERMOS


Paróquia Nossa Senhora de Lourdes de Curitiba - Praça Itália 183 - Jardim Botânico 80.210-180 - Curitiba - PR - Fone: 41 3262-2774